Buscar
PORTAL
DA SAÚDE
PORTAL
24 HORAS
Iptu Issqn Refis
Agência de Notícias

20/04/2017 14:21
Durante os três dias de evento, passaram cerca de 20 mil pessoas pelo local.



Comente!

A Feira do Peixe Vivo 2017, realizada em Foz do Iguaçu no Centro de Tradições Gaúchas (CTG) Charrua de 11 a 13 de abril movimentou a economia local. De acordo a  Secretaria Municipal de Agricultura, pasta responsável por organizar o evento, aproximadamente 20 mil pessoas passaram pelo local, com a grande presença de famílias.

Segundo o secretário de Agricultura, Jan Albert Nieuwenhoff, durante os três dias do evento, que está na 13ª edição, foram comercializados em torno de 25 toneladas de peixes das mais diferentes espécies. Entre os peixes vivos, abatidos e filetados, havia as espécies de Pacu, Piaparas, Tilápias, Pintados, Carpas e Bagres.

A realização da feira, justamente no período da Semana Santa, considerado pelos cristãos católicos o período em que se evita comer carne vermelha, em respeito à Paixão e Morte de Jesus Cristo, propicia o aumento do consumo de peixe, em substituição da carne vermelha.

Para o secretário Jan, além deste fator, também houve um crescimento nas vendas em função da consolidação do evento perante a opinião pública. “A feira teve um acréscimo nas vendas e também a população está apreciando mais esse tipo de evento no município, por se tratar de uma opção gastronômica na cidade, com segurança, estacionamento gratuito e a comercialização de outros produtos rurais”, comentou.

Para ele, o local escolhido pelo segundo ano seguido, o CTG Charrua, agradou tanto o público quanto os feirantes. “Ouvimos depoimentos do público e dos feirantes, dizendo que a estrutura do local é melhor para a realização da feira”, concluiu.

A Feira do Peixe foi pela Secretaria da Agricultura, em parceria com o Instituto Federal do Paraná (IFPR), Emater, Cooperativa de Agricultura Familiar e Sindicato Rural.

Fotos: Daniel Muniz


Comentário