Buscar
PORTAL
DA SAÚDE
PORTAL
24 HORAS
Iptu Issqn Refis
Agência de Notícias

08/02/2017 16:30
Com o número de feriados prolongados neste ano, a expectativa é que o destino quebre recordes de visitação.



Comente!

Foz do Iguaçu iniciou ano batendo recordes no turismo. No Parque Nacional do Iguaçu a visitação foi 2,2% superior ao ano de 2015, quando  houve a maior visitação da história do parque. Passaram pelo atrativo natural 216.465 turistas, ante 201.076 em 2016 (8%) e 211.076 em 2015 (2,2%).

O grande volume de turistas também foi sentido no Aeroporto Internacional de Foz do Iguaçu. De acordo com dados repassados pela Infraero, em janeiro deste ano  225.073 passageiros embarcaram ou desembarcaram no terminal, ante 192 mil em 2016 e 196.493 em 2015, lembrando que no ano de 2015 o aeroporto bateu a margem histórica do passageiro número 2 milhões.

O terminal rodoviário da cidade foi reaquecido em 2017. No primeiro mês do ano 109.857 passageiros utilizaram o terminal, contra 88.144 em 2016 e 91.399 em 2015.

Segundo o secretário municipal de turismo, Lourenço Kurten, conforme está estampado nos números, a previsão é otimista para o turismo local. “2015 foi um ano histórico para Foz do Iguaçu e começamos 2017 batendo os recordes do melhor ano (2015). A expectativa é que esse fluxo intenso de turistas permaneça durante todo 2017”, avalia Lourenço.

De acordo com o secretário houve um aumento de turistas estrangeiros visitando o país. “Em reunião com a Polícia Federal, o departamento de migração informou que em 2016 foram feitas 130 mil migrações e foram cerca de 150 mil em 2017”, disse.

Além dos turistas estrangeiros, os brasileiros também prometem movimentar a fronteira durante todo o ano, devido aos feriados prolongados. “Acreditamos que esse ano vamos ultrapassar as margens históricas de visitações em Foz. No Parque Nacional, por exemplo, é de R$ 1,7 milhão de visitantes, e em 2017 esse número deve ser superado. Recebemos muitos turistas do Paraná, Santa Catarina, São Paulo e Rio Grande do Sul também”, prevê o secretário.

Receptividade

Para atender a crescente demanda de turistas o município está recebendo a cada ano mais atrativos. A cidade recebeu recentemente o Museu de Cera e a revitalização do Marco das Três Fronteiras.

“Queremos que o turista fique mais tempo aqui. Estamos trabalhando com sistema de informações turísticas, para o próprio trade distribuir o fluxo nesses feriados, para não acumular em um ou outro atrativo. Estamos fazendo um trabalho para que não formem filas nos atrativos”, disse o secretário. 


Comentário