Buscar
PORTAL
DA SAÚDE
PORTAL
24 HORAS
Iptu Issqn
Agência de Notícias

19/05/2017 15:59
Iniciativa faz parte do projeto de valorização ao servidor público e ao trabalho que essas profissionais realizam dia a dia nas escolas e nos Cmeis



Comente!

Ganhar um dia todo para elas, de palestra, de orientação nutricional teórica e para tirar dúvidas quanto ao trabalho. Este é o objetivo da Formação Continuada que a Secretaria Municipal de Educação está oferecendo aos funcionários de carreira, professores, diretores de escolas e para as merendeiras. Só nesta sexta-feira (19), cerca de 100 merendeiras, diretores de Cmeis e entidades conveniadas participaram de mais uma etapa da formação em um grande encontro realizado no auditório da Secretaria, no prédio da antiga Bordin Materiais de Construção.

Os encontros são realizados com palestras motivacionais e roda de conversas, para que todos possam sanar dúvidas sobre o dia a dia de trabalho, trocando experiências. As palestras são objetivas e tratam da qualidade da merenda que é preparada em cada unidade escolar. “O trabalho que essas mulheres realizam é extremamente importante e precisa ser valorizado. São elas que fazem a triagem dos alimentos que chegam até as escolas, que separam o que tem qualidade ou não, sendo as responsáveis pelo alimento que é servido diariamente aos alunos. Capacitá-las regularmente não significa só uma valorização para a categoria, mas, sobretudo, um cuidado que o Município está tendo em bem servir às crianças da rede municipal de ensino”, disse o secretário municipal de Educação, Fernando Ferreira Souza Lima.

O secretário pontuou que há muito tempo as merendeiras não recebiam cursos de orientação para o dia a dia de trabalho e que ações como esta são exemplos da nova gestão. “Estamos oferecendo a oportunidade de todas as merendeiras que trabalham nos Cmeis e nas escolas municipais terem um curso que as capacite para melhor desempenhar seu papel. Nos encontros são abordados assuntos pertinentes ao serviço que elas já realizam e que irão certamente agregar e somar com os conhecimentos adquiridos. A nossa administração tem esse compromisso de zelar pela qualidade do ensino e na formação continuada do professor e do profissional”, destacou.

No segundo semestre o Município vai oferecer mais um ciclo dessa Formação para a educação Infantil. No ensino Fundamental os professores já passaram por quatro momentos como este, encerrando os ciclos.

Quem participa do encontro garante que vale a pena. “Há muito tempo que o município não realizava um evento assim. É importante para nós, pois nos reunimos e trocamos experiências, além de aprender coisas novas e aprender aquilo que será voltado para às crianças”, disse Rosemari Aparecida Cestari, merendeira há 11 anos no Cmei Ouro Verde.

Outra participante, servidora que recém entrou para a secretaria de Educação, o encontro permite que todos se sintam motivados em fazer melhor ainda seu trabalho. “Eu estou trabalhando como merendeira no Cmei São Francisco há pouco mais de um mês e já poder acompanhar palestras como esta é incentivador. Ser merendeira é um trabalho muito digno para mim. Aqui também podemos nos orientar sobre as regras da Vigilância e os cuidados necessários quanto ao preparo das merendas e da escolha dos alimentos na hora que chegam nas escolas e nos Cmeis. Assim, temos a chance de aprender mais, pensando no bem-estar dos alunos”, destacou Josiane Cattani. 

A primeira turma a passar pela Formação Continuada foram as merendeiras de escolas e Cmeis da região sul e do centro da cidade, em um evento na Escola Adele Zanotto, no Porto Meira. As entidades conveniadas que também participaram deste ciclo são ACDD, Apae, Apasfi, Nosso Canto, Cmei Mamãe Carolina, Pré-Maria, e Nossa Senhora da Conceição. 

Mais fotos dessa matéria estão aqui: https://goo.gl/go9Anh
Comentário