Buscar
PORTAL
DA SAÚDE
PORTAL
24 HORAS
Iptu Issqn Refis
Refis Refis
Agência de Notícias

11/02/2019 11:27
Cerimônia aconteceu no último sábado e foi marcada por uma série de homenagens



Comente!

No último sábado (9), os 20 médicos residentes receberam a certificação de conclusão nas especialidades de clínica médica, cirurgia geral, psiquiatria, ortopedia, ginecologia e obstetrícia e medicina de família e comunidade. A noite foi marcada por homenagens e muita emoção. 

A residência médica ofertada no município foi implantada em 2013 e desde então, médicos de todos os estados do país buscam a formação na cidade. Hoje, a diretoria de Residência Médica da Secretaria Municipal de Saúde, conta com 7 coordenadores em diferentes programas e 79 médicos preceptores. 

A diretora da Residência Médica, Dra. Luz Marilda Cardona foi uma das grandes homenageadas da noite. “O trabalho desenvolvido pela Dra. Luz nos inspirou”, disse a ex-aluna, Ana Christina de Brito. Além dela, também receberam homenagens Dr. Aron Charles Oldoni; Dr. Douglas Bittencourt; Dr. Luiz Geraldo; Dra. Maria Bernadete; Dr. Alexandre Florio e Dr. Fábio Marques. 

A secretária de saúde, Kátia Yumi Uchimura, reforçou a necessidade de qualificação dos profissionais dentro do município, como meio de fortalecer a oferta de atendimento em diversas áreas médicas. “Reforçamos o trabalho sério e de qualidade realizado pela Dra. Luz frente à diretoria de Residência Médica e acreditamos que ofertando essa formação, o município possa se estabelecer como referência, especialmente dentro do SUS, onde a busca por algumas especialidades ainda representam gargalos”. 

Convidado especialmente para a solenidade, o representante do Conselho Nacional de Residência Médica do Ministério da Educação, Dr.Fernando Fidelis salientou sobre os ganhos para o município ao investir na qualificação de profissionais da área médica. “Precisamos que Foz possa se organizar cada vez mais. Estivemos aqui, uma, duas vezes para fiscalizar e hoje entendemos a importância desse momento. O que a gente espera é maior integração entre secretaria e COREME, para ampliação do programa”. Fidélis ainda salientou sobre a necessidade de ampliação de cenários de prática, como medicina da família e urgência e emergência.

A diretora do programa de Residencia Médica falou aos residentes  sobre a importância de exercer a profissão tendo a empatia como guia. “Não esqueçam de tratar seus pacientes com um olhar de afeto, coloquem-se no lugar do outro com humanidade”, disse Dra Luz. A exemplo de outras turmas, muitos profissionais formados pela residência em Foz devem permanecer na cidade. Outros seguem para nova formação em outras localidades.  

A colação foi seguida de uma recepção para convidados e familiares. 


Comentário