Buscar
PORTAL
DA SAÚDE
PORTAL
24 HORAS
Iptu Issqn Refis
Refis Refis
Agência de Notícias

12/09/2019 11:28
Solenidade acontecerá às 10 horas na Lagoa de contenção do São Luiz. Nesta nova fase, mais de 41 mil moradores serão atendidos



Comente!

A Prefeitura Municipal de Foz do Iguaçu, através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, lança neste sábado (14) a sexta etapa do Programa de Coleta Seletiva. A solenidade, que contará com a presença do prefeito Chico Brasileiro, terá início às 10 horas, na Lagoa de Contenção do São Luiz. 

Nesta nova etapa, mais de 41 mil moradores dos bairros Panorama, Campos do Iguaçu, São Roque, Centro Cívico e Pólo Centro serão atendidos. Por ser uma região densa de moradias, haverá coleta nas terças-feiras no Panorama e São Roque e nas quintas-feiras no Pólo Centro, Centro Cívico e Campos do Iguaçu. 

Nas ultimas semanas, os moradores destes bairros receberam em casa uma sacola de ráfia e um informativo, em forma de imã de geladeira, com a indicação de quais materiais devem ser separados e quais os dias da coleta. Com os novos bairros, sobe para 70% a abrangência do programa de Coleta Seletiva no município, o que corresponde a mais de 201.395 habitantes. A meta é chegar a 100% das moradias urbanas até o final deste ano. 

Sobre o Programa:
Implantado em junho de 2018, o Programa de Coleta Seletiva é desenvolvido pela Cooperativa dos Agentes Ambientais de Foz do Iguaçu (COAAFI), por meio de um Termo de Colaboração assinado com o Governo Municipal e coordenado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

Desde o início das atividades, mais de 700 toneladas de materiais foram recolhidas, deixando de ir para o aterro sanitário, gerando economia de dinheiro público e aumento da vida útil do aterro. Outro benefício do programa foi o aumento na renda dos 97 catadores cadastrados na COAAFI.

Os investimentos somam mais de R$ 17 milhões, com apoio da Itaipu Binacional, Governo do Estado do Paraná e a Prefeitura Municipal de Foz do Iguaçu. Este investimento é destinado à reforma e ampliação dos 08 Centros de Triagem, aquisição de equipamentos para cada um deles, aquisição dos 08 caminhões adaptados para a coleta, materiais informativos, educativos e de suporte para a coleta, como sacolas de ráfia para armazenamento dos recicláveis nas residências. Como parte do programa está também o serviço de coleta seletiva e destinação de resíduos sólidos recicláveis nos prédios públicos. 

Lâmpadas
Desde junho de 2018 o município conta com 24 pontos de coletas de lâmpadas que possibilitam a população o descarte correto do produto. Desde o inicio da coleta até agora já foram coletadas e destinadas corretamente 50.218 lâmpadas, que juntas somam 7.339 kg. Estes números podem aumentar e muito se a população aderir à destinação correta. Um dos pontos de coleta está localizado na Av. Dr. Moacir Azambuja, 179, no Jardim das Palmeiras. Este barracão fica aberto de segunda a sexta em horário comercial. 

Para destinar pilhas e baterias os locais de recebimento são o Atacadão e o Makro supermercados. O óleo de cozinha pode ser recolhido pelo Programa de Coleta Seletiva, desde que devidamente envazado em garrafas plásticas. Esse óleo é comercializado pela COAAFI para empresas que dão destino correto e agregam renda aos catadores.

Comentário